Sem banda, grupo mantém tradição do pierrot na folia de Salvador

Sem banda, grupo mantém tradição do pierrot na folia de Salvador

Escondendo os rostos e liberando a alegria, o grupo de Pierrot de Plataforma coloriu o circuito Osmar, nesta terça-feira (13), último dia de Carnaval. O grupo, que surgiu nos anos de 1960 como uma brincadeira entre amigos que se caracterizavam de pierrot pelos bairros, cresceu e há seis anos faz a alegria dos foliões na avenida .
De acordo com o Robson Bunes, presidente do Grupo, com o crescente envolvimento da comunidade na tradição dos pierrots, alguns amigos decidiram se organizar. Assim, o Pierrot de Plataforma se estendeu para os bairros da Liberdade e até para Lauro de Freitas.
“Para nós, desfilar de pierrot é maravilhoso. Como não temos corda nem banda, podemos acompanhar qualquer trio com nossas crianças e idosos brincando a vontade”, disse o presidente. Segundo Robson, a fantasia é definida juntamente  com o grupo de 40 associados.
Compartilhe
Previous Neto rebate Kannário: "tem que se informar melhor"
Next "O Lula estará na cadeia até o final deste ano" prevê Doria durante carnaval de Salvador; ASSISTA

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Projeto escolar ensina crianças a terem alimentação saudável

Ensinar crianças a se alimentarem de forma nutritiva e possibilitar o contato com os alimentos in natura são apenas algumas das propostas do projeto “Alimentação Saudável é Gostosa pra Chuchu”,

Política

“A democracia é o melhor dos regimes”, afirma Temer

O presidente da República, Michel Temer, usou uma cerimônia no Palácio do Planalto nesta quarta-feira (4/4) para defender a Constituição, a liberdade de expressão e a democracia, que, nas palavras

Política

Rui Costa lamenta a morte do artista plástico Frans Krajcberg

O governador Rui Costa lamentou, por meio das redes sociais, a morte do artista plástico Frans Krajcberg, aos 96 anos, nesta quarta-feira (15). “Não tenho palavras para definir o que