Sem banda, grupo mantém tradição do pierrot na folia de Salvador

Sem banda, grupo mantém tradição do pierrot na folia de Salvador

Escondendo os rostos e liberando a alegria, o grupo de Pierrot de Plataforma coloriu o circuito Osmar, nesta terça-feira (13), último dia de Carnaval. O grupo, que surgiu nos anos de 1960 como uma brincadeira entre amigos que se caracterizavam de pierrot pelos bairros, cresceu e há seis anos faz a alegria dos foliões na avenida .
De acordo com o Robson Bunes, presidente do Grupo, com o crescente envolvimento da comunidade na tradição dos pierrots, alguns amigos decidiram se organizar. Assim, o Pierrot de Plataforma se estendeu para os bairros da Liberdade e até para Lauro de Freitas.
“Para nós, desfilar de pierrot é maravilhoso. Como não temos corda nem banda, podemos acompanhar qualquer trio com nossas crianças e idosos brincando a vontade”, disse o presidente. Segundo Robson, a fantasia é definida juntamente  com o grupo de 40 associados.
Compartilhe
Previous Neto rebate Kannário: "tem que se informar melhor"
Next "O Lula estará na cadeia até o final deste ano" prevê Doria durante carnaval de Salvador; ASSISTA

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Raquel quer auxílio-moradia para membros do MPF com imóvel

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu o pagamento de auxílio-moradia a integrantes do Ministério Público Federal (MPF) em parecer enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) nessa quarta-feira, 21. A

Municípios

Homem toma veneno após ouvir sentença dentro do fórum de Belmonte

Um homem de 51 anos teria tentado se matar por volta das 11h de quarta-feira (01), dentro da sala de audiências do Fórum Luiz Viana Filho, em Belmonte. Segundo informações

Notícias

Mulher é presa por suspeita de matar companheira a facadas em Teixeira de Freitas

Uma mulher foi presa em flagrante pela suspeita de ter matado a companheira a facadas dentro da casa onde moravam, na madrugada deste sábado (19), no bairro Bela Vista em