Vendas no varejo crescem 2% em 2017, aponta o IBGE

Vendas no varejo crescem 2% em 2017, aponta o IBGE

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 2,0% no ano de 2017, informou nesta sexta-feira (9/2) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na passagem de novembro para dezembro, as vendas caíram 1,5%, na série com ajuste sazonal. O resultado representa o recuo mais acentuado desde janeiro de 2016, quando o volume vendido teve redução de 1,9%, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Comércio divulgados pelo IBGE.

Na comparação com dezembro de 2016, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram alta de 3,3% em dezembro de 2017.

Varejo ampliado
As vendas do comércio varejista ampliado acumularam alta de 4,0% no ano de 2017, segundo o IBGE. Na comparação com dezembro de 2016, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 6,4% em dezembro de 2017. Nesse confronto, as projeções variavam de uma expansão de 3,00% a 8,75%, com mediana positiva de 5,70%.

No conceito ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas do varejo caíram 0,80% em dezembro de 2017 ante novembro, na série com ajuste sazonal. O resultado veio melhor que a mediana das estimativas dos analistas , negativa em 1,05%, e dentro do intervalo das previsões, de recuo de 3,4% a avanço de 0,13%.

Compartilhe
Previous Luiz Silva, irmão de José Dirceu, é preso após condenação na Lava Jato
Next E tem querer? Deputado Federal preso pela PF quer exercer mandato de dia e cumprir pena à noite

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Cármen Lúcia: resposta judicial deve ocorrer sem quebra de hierarquia

Após as decisões a favor e contra a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva neste domingo (8), a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, divulgou há

Notícias

Investigação contra senador Edison Lobão é prorrogada por mais 60 dias

O relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Edson Fachin, determinou nesta sexta-feira (9/6) a prorrogação por mais 60 dias do inquérito contra o senador Edison

Política

Guedes quer usar reservas cambiais para reduzir dívida

Antes mesmo de assumir, a equipe econômica de Jair Bolsonaro (PSL) ressuscitou uma velha discussão: o Brasil tem ou não dólares guardados o suficiente para se proteger de crises externas?