Barra do Rocha: Acusado de homicídio é preso ao buscar identidade na delegacia

Barra do Rocha: Acusado de homicídio é preso ao buscar identidade na delegacia

A Polícia Militar conseguiu cumprir no início da tarde dessa terça-feira (06), um mandado de prisão preventiva contra Alessandro Oliveira dos Santos, acusado de um homicídio em Barra do Rocha, no último dia 09 de janeiro. Alessandro foi preso quando chegava na delegacia para buscar sua carteira de identidade. O mandado de prisão foi solicitado pela delegada substituta de Barra do Rocha – Ana Beatriz, e expedido pela Vara Crime da Comarca de Ipiaú. Ainda na segunda-feira, policiais militares tentaram cumprir o mandado, mas Alessandro não foi encontrado. A sua carteira de identidade foi apreendida e apresentada na delegacia local. Na tarde dessa terça-feira, ao tentar reaver o documento, o suspeito foi preso pela PM.

Alessandro já tinha sido conduzido pela Policia Civil à delegacia poucos dias após o homicídio pelo qual ele responde. À época, o suspeito foi ouvido pelo delegado Rodrigo Fernando, e teria confessado que matou Demerson Santos Soledade (ver matéria). A motivação do assassinato estaria relacionada a briga entre facções. Após ser ouvido pelas autoridades policiais, Alessandro foi liberado, pois estava fora do flagrante. Já nesta terça-feira (06), com o mandado de prisão expedido e cumprido pela PM, enfim, ele foi preso. Segundo informou um policial ao GIRO, Alessandro é acusado de ao menos, outros três homicídios, um deles praticado no distrito de Itamarati, município de Ibirapitanga.

Compartilhe
Previous Milagres: Polícia recupera carga de mercadorias roubadas avaliada em quase R$ 500 mil
Next Maia reafirma que prazo final para votar a reforma da Previdência é dia 20 de fevereiro

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

STF nega recurso de Cunha e ex-deputado continuará preso

A 2 Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou, nesta terça-feira (28/11), pedido de liberdade feito pelo ex-deputado federal Eduardo Cunha, preso no âmbito da Lava Jato desde outubro do

Notícias

Alckmin evita falar sobre FHC que pede redução do mandato de Temer

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), evitou na tarde desta segunda-feira (26/6) a responder o que pensa sobre o artigo publicado hoje em que o ex-presidente Fernando Henrique

Notícias

Ex-conselheiro do FGTS tem R$ 19 milhões, mas não pode pagar fiança

André Luiz de Souza, ex-filiado ao PT e ex-conselheiro do Fundo de Investimentos do FGTS, tem cerca de R$ 19 milhões em conta na Suíça, mas não consegue pagar a