Rui Costa autoriza concurso público para auditor fiscal da Fazenda do Estado

Rui Costa autoriza concurso público para auditor fiscal da Fazenda do Estado

O governador Rui Costa assinou, nesta quarta-feira (6), a autorização para realização de concurso público para o cargo de auditor fiscal da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz). A assinatura aconteceu durante mais uma edição do programa #PapoCorreria, transmitido ao vivo pelo Facebook. Serão 60 vagas para nível superior com salário base de R$ R$ 8.456,19. Com os benefícios previstos em lei, o salário pode chegar a R$ 13 mil ainda no início da carreira. A previsão é que o edital seja publicado no primeiro trimestre de 2018. Para concorrer às 60 vagas será necessário que o candidato tenha nível superior nas seguintes áreas: Administração, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia, Informática, Sistemas de Informação, Ciência da Computação ou Processamento de Dados. O secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, afirma que as novas contratações contribuirão para fortalecer a equipe da Secretaria. Vitório destaca o papel desempenhado pela equipe para garantir as boas performances da arrecadação e do controle de gastos, o que tem assegurado o equilíbrio das contas estaduais, com o pagamento em dia dos salários dos servidores e dos compromissos com fornecedores, além da manutenção de uma pauta de investimentos necessários ao desenvolvimento econômico e social do Estado. ”Desde o início da atual fase de retração da economia, o trabalho de toda a equipe da Sefaz tem sido essencial para conseguirmos manter as finanças da Bahia em equilíbrio fiscal”, ressalta.

Compartilhe
Previous Câmara dos EUA arquiva pedido de impeachment contra presidente Trump
Next Maraú: Polícia Civil localiza estufa de pés de maconha em Taipú de Fora

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

‘Não vão investigar o Janot?’, questiona Renan sobre restrição do foro

Alvo de 11 investigações, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) elogiou nesta quarta-feira o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli, que propôs ampliar a restrição do foro privilegiado de

Política

Cármen Lúcia dá andamento a inquéritos que correm no Supremo

Durante os últimos dias, com o Supremo Tribunal Federal (STF) em recesso, a ministra Cármen Lúcia, presidente da Corte, deu andamento em dois inquéritos que correm no Supremo, um deles

Notícias

Lula pede a Moro que suspenda interrogatório de setembro

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva requereu nesta quinta-feira, ao juiz Sérgio Moro, da Operação Lava-Jato, suspensão do novo interrogatório do ex-presidente, marcado para 13 de setembro.