Rebeldes anunciam morte de ex-presidente do Iêmen

Rebeldes anunciam morte de ex-presidente do Iêmen

O Ministério do Interior do Iêmen, controlado pelos rebeldes houthis, anunciou nesta segunda-feira (04/12) a morte do ex-presidente Ali Abdullah Saleh, até poucos dias atrás um aliado dos rebeldes e a quem a nota oficial se refere como “o líder da traição”.

Em entrevista à emissora Al Masirah, funcionários do ministério disseram que Saleh morreu em meio aos enfrentamentos com combatentes houthis na capital, Sanaa. Também um representante do governo internacionalmente reconhecido do Iêmen confirmou a morte de Saleh, em declarações à agência de notícias AP.

Membros do partido de Saleh também confirmaram a morte do ex-presidente, em declarações à emissora árabe Al Arabiya. Imagens na internet supostamente mostram o corpo do presidente, mas não há confirmação oficial.

No sábado foi rompida a aliança entre os houthis e as forças leais a Saleh, que lutavam juntos contra o presidente Abd Rabbuh Mansur al-Hadi, depois de Saleh se declarar disposto a abrir “uma nova página” com a coalizão liderara pela Arábia Saudita e que apoia Hadi, desde que esta parasse de atacar o Iêmen e encerrasse seu embargo. A coalizão e o governo de Hadi saudaram o anúncio, mas os houthis acusaram Saleh de traição.

Saleh, de 75 anos, governou o país por mais de três décadas e conduziu diversas guerras contra os houthis. Ele foi forçado a renunciar em 2012, em consequência da Primavera Árabe, e formou uma surpreendente aliança com o grupo rebelde xiita depois que este tomou Sanaa, no fim de 2014.

Compartilhe
Previous Tribunal nega habeas corpus ao presidente do PR
Next Aleluia: Otto precisa cobrar de Rui política eficiente de segurança

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Homem surta e joga gasolina no próprio corpo Vitória da Conquista

Um homem surtou e jogou gasolina no próprio corpo neste domingo (27) na Avenida Frei Benjamim, no Bairro Patagônia, em Vitória da Conquista. Populares conseguiram evitar uma tragédia. A equipe

Política

TSE vai definir se campanhas eleitorais terão mais R$ 888 milhões

Além dos valores do fundo eleitoral, os partidos ainda esperam uma definição do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se poderão utilizar recursos públicos do Fundo Partidário nas campanhas deste ano. Ao

Mundo

Impressionante:Naufrágio na Colômbia deixa três mortos e 30 desaparecidos; assista

Um barco que transportava cerca de 150 turistas naufragou neste domingo (25/6) em uma represa no noroeste da Colômbia, deixando três mortos e 30 desaparecidos, segundo a polícia local. A