Pacientes oncológicos promovem Bazar da Esperança, nos dias 5 e 6 de dezembro, no NOB

Pacientes oncológicos promovem Bazar da Esperança, nos dias 5 e 6 de dezembro, no NOB

Em sua décima sexta edição, o tradicional Bazar da Esperança acontece nos próximos dias 5 e 6 de dezembro, das 10 às 17 horas, na sede do NOB (Núcleo de Oncologia da Bahia), na Avenida Adhemar de Barros, 123, Ondina. Organizado por pacientes oncológicos do Grupo Bem Viver, o bazar, que tem caráter beneficente, vai ter parte da sua renda revertida para o Núcleo de Apoio ao Combate do Câncer Infantil (NACCI) e Casa da Saúde da Criança Solange Fraga.

O bazar é aberto ao público e a entrada é gratuita.

O Grupo de Apoio e Ajuda Mútua Bem Viver reúne pacientes e familiares do NOB e tem o objetivo de acolher pessoas em tratamento oncológico. O grupo busca incentivar a autoestima e garantir a motivação e o suporte psicológico para pacientes e familiares em tratamento de câncer, ajudando na superação da doença. Coordenado por Myriam Vidal, o Bem Viver conta com o apoio mensal das psicólogas do NOB, trazendo ainda a participação de toda equipe multidisciplinar e outros profissionais convidados, como dançarinos, fotógrafos, escultores, pintores, terapeutas de diversas correntes, que oferecem palestras, oficinas e dinâmicas, elevando a autoestima dos participantes.

Sobre o NOB

O NOB (Núcleo de Oncologia da Bahia) integra o Grupo Oncoclínicas, que reúne unidades de referência no tratamento oncológico no país. Fundado em 1992, o NOB tem sua sede na Avenida Ademar de Barros, 123, no bairro de Ondina, em Salvador, e conta também com unidades em Lauro de Freitas e no Hospital da Bahia, tendo como missão o acolhimento e a saúde integral do paciente oncológico. Para isso, conta com um corpo clínico formado por diversos especialistas, dentre oncologistas, hematologistas, reumatologistas, algologistas (tratamento da dor), nutricionistas e psicólogos que atuam juntos de forma multidisciplinar, com foco no atendimento humanizado e individualizado para garantir o melhor para o paciente. Sua equipe é altamente qualificada e comprometida com o aprimoramento contínuo.
A instituição conta com a parceria de um centro de referência mundial em tratamento do câncer, o Dana Farber Cancer Institute, afiliado a Escola de Medicina de Harvard, nos Estados Unidos.

Sobre o Grupo Oncoclínicas

Fundado em 2010, é o maior grupo especializado no tratamento do câncer na América Latina. Possui atuação em oncologia, radioterapia e hematologia em 10 estados brasileiros. Atualmente, conta com mais de 48 unidades entre clínicas e parcerias hospitalares, que oferecem tratamento individualizado, baseado em atualização científica, e com foco na segurança e o conforto do paciente.

Seu corpo clínico é composto por mais de 400 médicos, além das equipes multidisciplinares de apoio, que são responsáveis pelo cuidado integral dos pacientes. O Grupo Oncoclínicas conta ainda com parceira exclusiva no Brasil com o Dana-Farber Cancer Institute, um dos mais renomados centros de pesquisa e tratamento do câncer no mundo, afiliado a Harvard Medical School, em Boston, EUA.

Compartilhe
Previous Após dois adiamentos, Michel Temer recebe Evo Morales em Brasília
Next Ex-prefeito de Valença é absolvido de acusação de improbidade movida pelo MPF

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política 0 comentários

Marcelino Galo pede Batalhão da Polícia Militar em Cajazeiras

O presidente da Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelino Galo (PT), sugeriu ao governo do estado, através da Indicação Nº 21.926/2017, a

Notícias

Posto da Salvamar no Circuito Dodô registra 13 pré-afogamentos

A Coordenadoria de Salvamento Marítimo de Salvador (Salvamar), vinculado à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), registrou 13 ocorrências de pré-afogamentos no Circuito Dodô (Barra/Ondina). No mesmo período do ano

Notícias

Jucá diz que governo não está preocupado com denúncia contra Temer

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), disse nesta terça-feira, 26, que o governo “não está preocupado” com a segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o presidente