Justiça mantém bloqueio de R$ 4 milhões de ex-presidente da Petrobras

Justiça mantém bloqueio de R$ 4 milhões de ex-presidente da Petrobras

A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região manteve hoje (5), por unanimidade, o bloqueio de R$ 4 milhões das contas correntes do ex-presidente da Petrobras Aldemir Bendine, que se encontra preso preventivamente desde 31 de julho, no âmbito da Operação Lava Jato.

O bloqueio foi imposto pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, por ocasião da prisão do executivo. A defesa entrou com recurso no TRF4, relatando não haver provas suficientes de que Bendine teria recebido dinheiro desviado de contratos com a Odebrecht, conforme relatado por delatores da empreiteira.

Nesta terça-feira, os desembargadores João Pedro Gebran Neto, Victor Laus e Leandro Paulsen entenderam haver indícios suficientes para justificar o bloqueio, entre eles uma anotação na agenda de Marcelo Odrebrecht, ex-presidente-executivo da empreiteira.

Compartilhe
Previous PGR pede recolhimento noturno do deputado Lúcio Vieira Lima
Next Não podemos substituir políticos por funcionários públicos, diz Gilmar Mendes

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

Google será peça-chave para apurar suposto e-mail de Dilma

Informações guardadas pelo Google poderão ajudar investigadores da Operação Lava Jato a esclarecer se a ex-presidente Dilma Rousseff utilizou de fato uma conta de e-mail para avisar o casal João

Política

Senado aprova PEC que torna estupro crime imprescritível

O plenário do Senado aprovou hoje (9), em segundo turno, a proposta de emenda à Constituição que torna imprescritíveis os crimes de estupro. O texto, do senador Jorge Viana (PT-AC),

Notícias

Salvador recebe XI Festival de cultura japonesa até domingo

Com o tema “Artes Marciais Japonesas”, o XI Festival da Cultura Japonesa de Salvador está atraindo grande público de todas as idades na capital baiana, no Parque de Exposições.  O