Feira de Santana: Prefeitura dará até 100% de desconto para quitação de débitos

Feira de Santana: Prefeitura dará até 100% de desconto para quitação de débitos

Na próxima segunda-feira (27), a Prefeitura de Feira de Santana dará início à Semana de Conciliação Tributária, campanha destinada à negociação de débitos relativos a impostos e tributos municipais. Os inadimplentes terão desconto de até 100% nos juros, multas e honorários nos pagamentos à vista.

“O que impossibilita o município de b os seus tributos é o peso das multas, taxas e outros encargos. É uma oportunidade única, a chance que o contribuinte terá para resolver as pendências”, explicou o secretário municipal da Fazenda, Expedito Elóy, durante entrevista coletiva no lançamento oficial da campanha.

Segundo o secretário, cerca de 45% dos feirenses estão inadimplentes em relação ao pagamento de impostos, principalmente o IPTU.

Os interessados em negociar os débitos devem se dirigir ao Núcleo de Conciliação Tributária do município, localizado na Rua Quintino Bocaiúva, 210, Kalilândia.

Compartilhe
Previous Camila Pitanga fala sobre gênero e raça: “Não vamos nos calar”
Next ALBA: Projeto de Coronel quer obrigar a Coelba tornar rede elétrica subterrânea

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Bolsonaro lidera ranking de páginas nas redes sociais

O maior beneficiado do grupo de páginas anônimas de apoio aos presidenciáveis é o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, que tem mais páginas ao redor de seu nome, boa parte

Política

Pesquisa Ibope: Bolsonaro, 28%; Haddad, 22%; Ciro, 11%

Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) polarizam a disputa pela Presidência da República. É o que mostra a pesquisa Ibope/Estado/TV Globo divulgada nesta segunda-feira. O levantamento traz  uma estagnação

Política

Alvaro Dias (Podemos) e Boulos (PSol) têm metas ousadas para educação

Alvaro Dias (Podemos) e Guilherme Boulos (PSol) responderam questionamento sobre propostas e metas para a educação no debate da RedeTV! e Istoé nesta sexta-feira (17/8).  A emissora recebe oito presidenciáveis