Vício em celular chega a consultórios e já preocupa médicos no Brasil

Vício em celular chega a consultórios e já preocupa médicos no Brasil

A dependência tecnológica inclui o “uso abusivo” da internet, redes sociais, jogos e celulares.
Desde a morte do pai, em 2013, *Mariana lutou contra a depressão e viu o quadro piorar ao mergulhar por horas a fio no Facebook. “Era como uma fuga, uma anestesia para esquecer problemas”. Significava também “procrastinar tarefas da casa e os estudos”. “Checava o celular o tempo inteiro. Estava viciada”. Já na vida de *Luísa, 47 anos, o smartphone entrou como alternativa para relaxar à noite, após um longo dia de trabalho. Em poucos anos, virou o centro de conflitos com as filhas e o marido. “Reclamavam que eu tinha virado um zumbi, que fingia prestar atenção em conversas quando, na verdade, estava pensando em algo que li ou esperando mais uma curtida no Instagram. Era capaz de debater temas no Facebook, mas não conversava com minhas filhas”, disse Luísa à BBC Brasil. A dependência tecnológica, que inclui o “uso abusivo” da internet, redes sociais, jogos e celulares, não é dimensionada no Brasil, mas já chega como problema a especialistas. “Não existe nenhum órgão dizendo que há uma preocupação nacional sobre isso, mas diferentes segmentos observam que a tecnologia de forma excessiva começa a criar problemas recorrentes. Há aumento de queixas de pacientes nos hospitais universitários, nas clínicas de psicologia, de psiquiatria e em escolas”, diz o PHD em psicologia e coordenador do Grupo de Dependência Tecnológica do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (USP), Cristiano Nabuco de Abreu.

Compartilhe
Previous Presídios terão banco de dados sobre situação de detentos
Next Vereador do PSD é encontrado morto em carro em Cotegipe

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

Lúcio Funaro deixa a Papuda e vai para carceragem da PF em Brasília

O operador financeiro Lúcio Funaro não está mais no Complexo Penitenciário da Papuda. Ele foi transferido para a carceragem da Polícia Federal, também em Brasília, na tarde desta quarta-feira (5/7).

Notícias

Documentos usados por Janot contra Temer são falsos, diz advogado a CPI

O advogado Rodrigo Tacla Durán afirmou que são falsos alguns dos documentos utilizados pela PGR (Procuradoria-Geral da República) na denúncia contra o presidente Michel Temer. Durán disse à CPI da

Política

Governo de Michel Temer gasta R$ 8 mil em 7 caixas de bombons de luxo

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) gastou cerca de R$ 8 mil na compra de 7 caixas de bombons. O mimo extravagante servirá como presente para líderes de governos estrangeiros