Tucanos decidem nesta quinta se destituem Bonifácio de Andrada da CCJ

Tucanos decidem nesta quinta se destituem Bonifácio de Andrada da CCJ

O líder da bancada do PSDB na Câmara, Ricardo Tripoli (SP), deixou para esta quinta-feira (5), a decisão sobre a possível destituição de Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Diante do atual cenário, onde o mineiro diz que não se licencia do partido e também não abandona a relatoria da denúncia contra o presidente Michel Temer, Tripoli (foto em destaque) sinalizou que sobraram poucas alternativas diferentes da destituição. “Resta muito pouco para eu fazer como líder”, desabafou.

Tripoli se disse entristecido com a situação, lembrou que Bonifácio havia garantido a ele e ao presidente em exercício do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), que não aceitaria a relatoria. “Tenho dificuldade em entender o gesto político dele”, comentou. “Nunca pedi para ninguém votar sim ou não. Só estou pedindo para não relatar”, emendou.

Tripoli enfatizou que a escolha de Bonifácio gerou um problema partidário e um profundo constrangimento porque o parecer (que tende a ser favorável a Temer) será visto como obra do PSDB para salvar o presidente da República da abertura de processo. “Isso [desgaste] pode interessar a outro partido, não ao PSDB”, reclamou.

 

Compartilhe
Previous Proposta que reforma Lei de Execução Penal é aprovada no Senado
Next Homem é encontrado morto dentro de casa em Ipiaú

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Detran-BA passa a oferecer versão eletrônica da CNH; veja como obter

A partir desta terça-feira (3), o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) passa a oferecer a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A novidade estará disponível para

Mundo

Venezuela deve enfrentar inflação de 13.000% este ano

Dona das maiores reservas mundiais de petróleo, a Venezuela tem visto a sua economia encolher durante o mandato do presidente Nicolás Maduro. De 1913 até este ano, o Produto Interno

Notícias

Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia

A partir de hoje (18), os brasileiros com mais de 57 anos, que são titulares de contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do