Brasileirão 2017 já teve 13 técnicos demitidos em apenas 15 rodadas

Brasileirão 2017 já teve 13 técnicos demitidos em apenas 15 rodadas

A Série A do campeonato brasileiro de futebol entra neste fim de semana na 16ª rodada, faltando ainda três para terminar o primeiro turno, e 13 técnicos já foram demitidos até esta sexta-feira: quatro deles caíram na 15ª rodada, disputada na quarta-feira (19) e quinta-feira (20) desta semana: Roger Machado, do Atlético Mineiro; Pachequinho, do Coritiba; Alexandre Gallo, do Vitória; e Doriva, do Atlético Goianiense.

Com a realização da 16ª rodada, o número de demissões de treinadores brasileiros poderá aumentar, em caso de derrota ou até mesmo empate. Os jogos programados são, neste sábado: Vitória x Chapecoense e Flamengo x Coritiba; domingo: Santos x Bahia; Fluminense x Corinthians; Sport x Palmeiras; Avaí x Cruzeiro; Atlético Mineiro x Vasco; Atlético Paranaense x Ponte Preta e Atlético Goianiense x Botafogo; segunda-feira: São Paulo x Grêmio.

O líder da Série A é o Corinthians, com 37 pontos ganhos, seguindo do Grêmio, com 31; Santos, 27; e Flamengo, com 25. Na zona de rebaixamento estão: São Paulo, 15 pontos; Avaí, 14; Vitória, 12; e Atlético Goianiense, com oito pontos ganhos.

Compartilhe
Previous Fim do foro privilegiado tramita em marcha lenta
Next Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 78 milhões neste sábado

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Fatura para aprovar Previdência chega a R$ 55 bilhões

A fatura para a aprovação da reforma da Previdência, cuja tramitação agora está ameaçada pela instabilidade política que paira sobre o País, já era alta antes mesmo das acusações contra

Notícias

Vereadores de Salvador fazem blitz nas embarcações Salvador/Mar Grande; assista

Os vereadores da Comissão dos Direitos dos Consumidores da Câmara Municipal de Salvador realizaram nesta sexta-feira(01), uma blitz nas embarcações que fazem a travessia Salvador/Mar Grande. Órgãos como Defensoria Pública,

Notícias

Estado Islâmico reivindica autoria do atentado em Londres

O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) assumiu a autoria do atentado cometido no centro de Londres neste sábado (4), que deixou sete mortos e 48 feridos, informou a emissora britânica