Justiça Federal pode soltar Geddel nesta quinta-feira

Justiça Federal pode soltar Geddel nesta quinta-feira

O ex-ministro Geddel Vieira Lima deverá passar por uma audiência de custódia, quinta-feira (6), às 9h40, na Justiça Federal em Brasília. Durante a audiência, o juiz da 10ª Vara Federal Vallisney Oliveira, que determinou a prisão do ex-ministro, deverá reavaliar a necessidade de manter a prisão preventiva.

Geddel foi preso na segunda-feira (3) por determinação do juiz sob a acusação de tentar obstruir as investigações de supostas irregularidades na liberação de recursos da Caixa Econômica Federal (Caixa), ao tempo em que era diretor.

O ex-ministro está preso preventivamente na Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal. Após a prisão, a defesa de Geddel definiu como “absolutamente desnecessário” o decreto de prisão preventiva do político. O advogado Gamil Föppel disse que há “ausência de relevantes informações” para basear a decisão e definiu como erro da Justiça Federal a autorização para a prisão de Geddel.

Compartilhe
Previous Salvador: ​Prefeitura abre 67 vagas para médico do SAMU
Next Carolino comemora início de obras na Baixa da Soronha

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

Imbassahy dispara contra o PT: “Esse mal já está sendo afastado do Brasil, precisamos afastar da Bahia”;ASSISTA

O deputado federal  Antônio Imbassahy(PSDB), defendeu logo após definição da executiva estadual ter lançado João Gualberto pré-candidato ao governo da Bahia que é necessário continuar o enfrentamento direto ao Partido

Notícias

Rui anuncia nomeação de 20 aprovados em concurso da PGE

O governador Rui Costa autorizou nesta quarta-feira (2), durante o programa #PapoCorreria, transmitido ao vivo pelas redes sociais, a nomeação de mais 20 aprovados no último concurso público para procurador do

Política

Coronel defende mais investimentos em educação

O senador eleito e presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Angelo Coronel, participou hoje (06/12), no SENAI Cimatec, em Piatã, do II Seminário Nacional Educação é da Nossa