Professora de creche cristã é demitida por também ser atriz pornô

Professora de creche cristã é demitida por também ser atriz pornô

Uma professora de uma creche cristã em Los Angeles (Califórnia, EUA) foi demitida após a direção  descobrir que ela tinha outra carreira: a jovem também era atriz pornô.

“Adoro sexo e adoro ensinar. Não poderia continuar trabalhando lá porque isso (a carreira pornô) é contra a fé deles”, disse Nina Skye, de 21 anos, à Fox. “Vai contra a visão deles sobre fornicação e sexo antes do casamento”, acrescentou.

Durante entrevista, a menina ressaltou que não há possibilidade de abandonar a carreira de atriz para ser professora. “Não quero deixar a indústria pornô. É um dinheiro fácil. Na minha primeira cena recebi US$ 2.500. Nunca tinha tido tanto dinheiro nas mãos.”

 

 

Compartilhe
Previous Saques de contas do FGTS injetam R$ 7,2 bilhões no varejo, afirma CNC
Next Cármen Lúcia pede varredura em telefones do STF

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

STJ nega pedido de “deputado presidiário” para voltar ao trabalho

A ministra Maria Thereza de Assis Moura, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), rejeitou um pedido liminar (decisão provisória) para que o deputado Celso Jacob (PMDB-RJ), que cumpre pena de

Notícias

Seminário “Escola Sem Partido” é realizado na Câmara de Salvador; assista

A Escola Sem Partido foi debatida nesta segunda-feira(29), no Seminário na Câmara de Vereadores de Salvador. O seminário foi mediado pelo deputado Federal, Bacelar(Podemos) e contou com a presença do

Política

Votação de denúncia contra Temer será nominal como no impeachment de Dilma

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), definiu nesta terça-feira o rito a ser seguido pela Casa na votação da denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer (PMDB). No