Itamaraty diz que não há brasileiros vítimas em Portugal

Itamaraty diz que não há brasileiros vítimas em Portugal

O Itamaraty divulgou nota hoje para manifestar solidariedade às famílias das vítimas do incêndio florestal ocorrido na região de Leiria, no centro de Portugal. O Ministério das Relações Exteriores (MRE) informou que não há registro de brasileiros entre as vítimas, mas ressaltou que o órgão e o Consulado-Geral em Lisboa estão à disposição para prestar informações e esclarecimentos aos cidadãos.

O incêndio florestal na região central de Portugal começou na noite de sábado (17/6), e os bombeiros ainda tentavam controlar as chamas na tarde deste domingo (18/6). Ao menos 61 pessoas morreram, entre eles 30 que ficaram presos no interior de seus veículos.

Na nota, o Itamaraty diz que o governo brasileiro recebeu a notícia com “pesar e consternação”. “O Brasil manifesta, neste momento de dor, sua solidariedade ao governo e ao povo do país irmão e às famílias das vítimas e faz votos de plena recuperação aos feridos”, afirma o comunicado.

Apesar de não haver registro de brasileiros entre as vítimas, o Itamaraty seguirá monitorando a situação por meio do Consulado-Geral em Lisboa. “Indica-se aos cidadãos brasileiros residentes ou em trânsito na região de Leiria, localidade afetada pelo incêndio, que sigam as instruções das autoridades locais, de modo a evitar a exposição a riscos adicionais”, diz a nota.

Compartilhe
Previous Temer grava vídeo atacando Joesley e fala em punição a criminosos
Next Atropelamento em Londres deixa um morto e dez feridos

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Mundo

Eleições no Equador: Moreno ganha, mas Lasso vai pedir impugnação

O Equador saiu dividido do segundo turno das eleições presidenciais, realizadas neste domingo (2/4). Uma hora antes do anúncio dos resultados preliminares, que lhe davam estreita margem de vantagem, o

Notícias

Mulher invade link do Jornal Nacional com cartaz “Eu votei na Dilma”

Durante a edição desta quarta-feira (17/5) do Jornal Nacional, uma mulher invadiu o link do telejornal com um cartaz escrito: “Eu votei na Dilma”. A manifestação solitária da jovem durou

Notícias

Temer é uma ameaça para classe trabalhadora e soberania nacional, avalia Galo

Durante a audiência pública que discutiu os 31 anos de reforma agrária em Angical, no oeste da Bahia, nesta quinta-feira (26), o deputado Marcelino Galo (PT) avaliou que o arquivamento