Cantor detona Marília Mendonça: “Você canta para cachaceiros”

Cantor detona Marília Mendonça: “Você canta para cachaceiros”

O cantor de forró Alcymar Monteiro — conhecido como o Rei do Forró –, ao que parece, decidiu partir para o ataque contra Marília Mendonça. A confusão teria acontecido após a cantora afirmar que “vai ter sertanejo no São João, sim”, durante um show. Em resposta a Marília, Alcymar Monteiro teria dito, em um áudio de WhatsApp postado em um grupo fechado a cantores de forró e depois vazado na internet, que a artista “toca para cachaceiros”.

Segundo informações do Diário de Pernambuco, Alcymar pegou pesado com a sertaneja. “Essa senhora não tem autoridade para falar nada. Como é que ela vem falar que aqui é lugar de sertanejo? Isso é um ‘breganejo’ horroroso para cachaceiro, para quem não tem identidade. Quem tá falando é Alcymar Monteiro. Dona Marília Mendonça, você é lá de Goiás. Vá cantar lá no seu Goiás. Não vem encher o saco da gente aqui, não, entendeu?”, disparou. “Você vem lá de Goiás invadir nossa praia. Agora vê se a gente canta lá no teu Goiás. Vocês não deixam!”

“Sua música é horrorosa! Você não está com nada, entendeu? Você canta para cachaceiro. Eu canto para família, para as crianças, para os velhos, eu sou descendente de Luiz Gonzaga. Nos respeite, entendeu?”

Em entrevista ao “Viver”, Alcymar disse que entendeu a fala de Marília Mendonça como uma provocação a Elba Ramalho e aos demais artistas que lutam para garantir o espaço do forró nas programações e confessa que ficou bastante incomodado. “Irritado porque estamos no meio de uma luta pela preservação da nossa cultura [com a campanha Devolva Nosso São João]. Ela veio falar mal de Elba, não de uma forma direta, nas estrelinhas, e isso me irritou.”

 

Compartilhe
Previous Loures pede nova transferência e diz preferir voltar à Papuda do que ficar preso na PF
Next Maduro acusa Twitter de desativar milhares de contas de chavistas

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Votação de denúncia contra Temer pode ficar para depois do feriado

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), admitiu, na manhã desta quinta-feira (28/9), que a votação no colegiado da denúncia contra o presidente Michel Temer

Cotidiano

Votação de projeto que regulamenta jogos de azar é adiada na CCJ

A Comissão da Constituição e Justiça (CCJ) do Senado deve adiar a votação do PLS 186/2014, que autoriza a exploração de jogos de azar em todo o território nacional. O

Notícias

Não tem nada que manche sua trajetória, diz Bacelar sobre Alvaro Dias; assista

O presidente Estadual do Podemos na Bahia, Bacelar, em conversa com o Classe Política, falou sobre o  título de Cidadão Baiano, concedido ao senador Alvaro Dias, nesta sexta-feira(18), na Assembleia