Atrações locais ganham destaque nos festejos juninos em Salvador

Atrações locais ganham destaque nos festejos juninos em Salvador

A festa de São João em Salvador, promovida pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa), incentiva a participação dos artistas locais na programação e dá visibilidade ao forró da terra para todo o país. O trabalho de nomes como Adelmario Coelho, Zelito Miranda, Del Feliz, Tenison Del Rey, Nonô Curvelo, Carlos Pita, Virgílio, Estakazero, Flor de Maracujá, Filomena Bagaceira e Poiz É ganhará destaque na festa.

No primeiro dia, na quinta-feira (22), a banda Flor Serena, comanda o arrasta-pé na Sala de Reboco, instalada no Cruzeiro de São Francisco. “Acho super legal essa valorização do Estado para os nossos artistas. Fortalece e dá ânimo para levar adiante essa bandeira gonzaguiana, que é a proposta do São João e do resgate”, afirma o vocalista do grupo, Verlando Gomes. Desde 2009, a banda participa do São João no Centro Histórico e de outros projetos culturais voltados para os festejos juninos apoiados pelo Governo da Bahia. “É muito importante o apoio porque cria uma visibilidade maior para os contratantes da Bahia e de outros estados também”.

O cantor Genard, que vai animar o Terreiro de Jesus, no dia 23, terá a oportunidade de mostrar o repertório. “Vai ter muito forró das antigas e, claro, não pode deixar de ter nosso querido mestre Luiz Gonzaga. Em todo São João, ele tem que ser muito lembrado porque foi quem começou esse movimento todo”, explica o artista. Na mesma noite se apresentam Filomena Bagaceira, Flávio José, Cicinho de Assis e Menina Faceira.

Para Del Feliz, a valorização dos artistas baianos nas festas juninas de todo o estado é fundamental. “A gente já vem de um movimento muito importante de valorização da importância cultural do São João da Bahia. Esse movimento se expandiu para todo o Nordeste, hoje ganhando o Brasil e um pouco fora do Brasil, principalmente por esse reconhecimento do Governo do Estado”.

O músico comenta ainda “que foi uma ousadia do Governo do Estado apostar nessa festa privilegiando o forró, mas acima de tudo os forrozeiros baianos”. Del se apresenta no dia 24, no Terreiro de Jesus, quando também sobem ao palco Targino Gondim, Geraldo Azevedo, Zelito Miranda e Tenison Del Rey.

Compartilhe
Previous Bacelar pede reabertura do INSS em Candeias
Next Justiça Federal acata pedido de transferência de Henrique Alves para Brasília

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Entretenimento

Cantor Seu Jorge é vítima de ataque racista no Instagram

O cantor Seu Jorge foi alvo de um ataque racista em seu perfil no Instagram. Durante uma transmissão ao vivo do artista, um internauta identificado como @hduartescp se referiu a

Mundo

Macron pedirá ao Parlamento que prolongue estado de emergência até novembro

O presidente da França, Emmanuel Macron, pedirá ao Parlamento que prolongue o estado de emergência, que termina no próximo dia 15 de julho, até o dia 1º de novembro, em

Política

Defesa de Bendine alega à PF que garrafas de vinho foram “presente”

A defesa do ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras Aldemir Bendine afirmou à Polícia Federal que as duas garrafas de vinho apreendidas pela Operação Cobra — 42ª fase