Brasileirão 2017: após falha, goleiro deixa jogo e vai embora de táxi

Brasileirão 2017: após falha, goleiro deixa jogo e vai embora de táxi

Durou apenas 45 minutos a passagem do experiente goleiro Fábio no Figueirense. Ele estreou nesta terça-feira (30/5) em partida contra o Boa, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, mas deixou o jogo ainda no intervalo e já não faz mais parte do elenco da equipe catarinense.

Nos únicos momentos em que esteve em campo pelo clube, Fábio falhou e sofreu um gol estranho marcado por Douglas Assis, aos 24 minutos do primeiro tempo. O zagueiro adversário levantou a bola para a área de muito longe e o goleiro não conseguiu segurar, deixando que ela entrasse direto no gol sem tocar em ninguém. O gramado estava molhado pelas fortes chuvas que caem em Florianópolis.

Pouco antes do intervalo, o Boa ainda ampliou o placar com o meia Fellipe Matheus, cobrando pênalti. Na volta para o segundo tempo, a torcida estranhou a alteração do técnico Márcio Goiano, que trocou Fábio por Thiago Rodrigues e preferiu não explicar o motivo à imprensa. Ele se limitou a dizer que o titular não foi sacado por problemas físicos ou de lesão.

Após a partida, o superintendente de esportes do clube, Carlos Arini, explicou a situação e disse que o goleiro alegou problemas pessoais e pediu para sair. Algum ato de indisciplina pode ter acontecido nos vestiários. O jogador pegou um táxi ainda no intervalo e sequer acompanhou o segundo tempo da partida.

Após a derrota, o clube anunciou que Fábio não faz mais parte do elenco e sua passagem se encerra como uma das mais curtas e mais curiosas da história do Figueirense, com apenas 45 minutos e dois gols sofridos.

Fábio, de 38 anos, é um dos mais experientes jogadores em atividade no futebol brasileiro e já passou por diversos clubes ao longo da carreira como Portuguesa, Goiás, Ponte Preta, Criciúma e São Caetano. Desde 2015, estava no Ituano, clube pelo qual disputou o Campeonato Paulista no início do ano.

 

Compartilhe
Previous ONU: Brasil deve explicar morte de ativistas de direitos humanos
Next Lula avalia que Temer ganha sobrevida por rápida reação a denúncias

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

Moro impõe um ano e meio de regime fechado a Mônica Moura e João Santana

Em ação que condenou o ministro Antônio Palocci a 12 anos e dois meses de prisão, o juiz federal Sérgio Moro também sentenciou o casal de marqueteiros João Santana e

Economia

Caixa pode pagar FGTS após fim do prazo para vítimas de erro ou fraude

O prazo para sacar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) inativo se encerra no dia 31 deste mês, mas os trabalhadores que foram vítimas de fraude ou

Notícias

Senado aprova MP que garante saque de contas inativas do FGTS

Em sessão esvaziada e sem contagem de votos, o Senado Federal aprovou, nesta quinta-feira (25/5),  a Medida Provisória 763/2016, que permite o saque de contas inativas do Fundo de Garantia