José Serra recebeu propina de R$ 24,6 milhões, diz delator

José Serra recebeu propina de R$ 24,6 milhões, diz delator

O ex-superintendente da Odebrecht em São Paulo Carlos Armando Paschoal afirmou, em depoimento ao Ministério Público Federal, que a empreiteira pagou R$ 24,6 milhões em propina ao PSDB como contrapartida de um acordo no qual a gestão do então governador José Serra (2007-2010) aceitou ressarcir a construtora em R$ 191,6 milhões em processo judicial referente à construção da Rodovia Carvalho Pinto, no fim da década de 1990.

Paschoal disse que os pagamentos ilícitos foram feitos entre 2009 e 2010 a dois intermediários do hoje senador: Márcio Fortes, ex-tesoureiro do PSDB e então presidente da Emplasa, e o empresário Ronaldo Cezar Coelho. O executivo apresentou planilhas e dados sobre contas bancárias no exterior para comprovar os pagamentos.

A assessoria do tucano afirma, em nota, que a obra “foi concluída muito antes de Serra ser governador” e que ele “jamais tomou medidas que tenham beneficiado a empreiteira em nenhum dos diversos cargos que ocupou em sua longa carreira pública”. Já a Dersa afirma que “tomou conhecimento destas denúncias pela imprensa e neste momento avalia, junto aos seus advogados, os termos e as condições que o referido acordo foi celebrado, bem como medidas a serem tomadas no sentido de um ressarcimento da suposta perda”.
Compartilhe
Previous Santa Inês: Moradores reclamam da falta de médico em posto de saúde
Next É necessário mudar o sistema político eleitoral, afirma Toffoli em Lisboa

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Nome de Rui está enraizado na história do bom gestor”, opina Marcos Medrado

“O nome de Rui está enraizado na história do bom gestor”, opinou o pré-candidato a deputado federal, Marcos Medrado (PP), ao comemorar importantes ações da gestão estadual, nesta sexta-feira (15/06).

Política

‘Se puder, serei candidato’, diz Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quinta-feira, 20, que, “se puder”, vai disputar o Palácio do Planalto pela sexta vez em 2018. Ele disse, porém, que terá

Notícias

Datafolha: Bolsonaro tem 26%; Ciro, 13%; Haddad, 13%; Alckmin, 9%; Marina, 8%

A intenção de voto no candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, oscilou positivamente entre o começo e o fim desta semana, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira, 14.