MEC amplia prazo de pré-seleção do Fies

MEC amplia prazo de pré-seleção do Fies

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou o período de pré-seleção da lista de espera do processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O prazo se encerraria hoje (3), mas foi estendido para o dia 17 de março. A mudança foi publicada hoje (3) no Diário Oficial da União.

Os estudantes interessados devem monitorar o site do programa para checar a divulgação do resultado. Caso apareça como pré-selecionado, o estudante deve acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies) e efetivar a inscrição em cinco dias úteis, a partir da data de divulgação do resultado no sistema. No ato da inscrição, o candidato deve escolher a instituição bancária e a agência de sua preferência.

Depois de inscrito no sistema, o estudante deve validar as informações na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da instituição de educação superior em até dez dias. Por mais dez dias, o candidato (ou seus fiadores) deve comparecer a um agente financeiro do Fies para formalizar a contratação do financiamento.

O financiamento do curso de graduação disponibilizado pelo MEC estará aberto no primeiro semestre deste ano para 150 mil alunos. Para ter direito ao benefício, o estudante deve comprovar renda bruta mensal de até três salários-mínimos por pessoa da família, além de ter participado de alguma edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir de 2010, com nota mínima de 450 pontos nas provas de conhecimentos gerais e nota superior a zero na redação.

Compartilhe
Previous Jornal francês denuncia possível compra de votos para Rio sediar Olimpíada
Next ONU diz que "notícias falsas" representam uma preocupação global

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Ministro quer responsabilizar pessoas que assinam laudos de barragens

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse neste domingo (27/1) que os técnicos que estão em Brumadinho (MG) descartaram a possibilidade de rompimento da barragem número seis da

Cotidiano

CNJ abre inquérito sobre desembargadora que atacou Marielle nas redes

O ministro João Otávio de Noronha, corregedor Nacional de Justiça, determinou a abertura de procedimento para investigar as declarações da desembargadora Marília Castro Neves, Tribunal de Justiça do Rio de

Cotidiano 0 comentários

Polícia Militar também não registra ocorrências graves no Réveillon

O Réveillon de Salvador na Praça Cairu não tem registro de ocorrências graves nem pela Guarda Civil Municipal e nem pela Polícia Militar. Foram registrados apenas 61 furtos e roubos