STF aprova lista tríplice para Temer definir novo ministro do TSE

STF aprova lista tríplice para Temer definir novo ministro do TSE

O Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou nesta quinta-feira, 23, os nomes da lista tríplice que será encaminhada ao presidente Michel Temer para a escolha do novo ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O TSE é formado por sete ministros titulares -três são do STF, dois integram o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e outros dois pertencem à classe dos advogados.

Os ministros substitutos do TSE Admar Gonzaga Neto e Tarcisio Vieira de Carvalho Neto integram a lista tríplice. O jurista Sérgio Banhos completa a relação de nomes, que será encaminhada imediatamente a Temer.

Os nomes da lista tríplice foram escolhidos pelos ministros do STF em votação realizada na abertura da sessão plenária desta quinta-feira. O novo ministro ocupará a vaga aberta com a saída de Henrique Neves, que deixará a corte eleitoral em abril deste ano.

A tendência é de que Temer escolha o primeiro nome da lista tríplice – no caso, Admar Gonzaga Neto, que encabeça a lista por ser atualmente o primeiro ministro substituto do TSE entre os advogados.

Existe a possibilidade de o substituto de Neves participar do julgamento da ação que apura se a chapa de Dilma Rousseff-Michel Temer cometeu abuso de poder político e econômico para se reeleger nas eleições de 2014. O relator da ação, ministro Herman Benjamin, decidiu na quarta-feira, 22, ouvir delatores da Odebrecht no âmbito do processo, o que pode trazer à coleta de novas informações e atrasar a conclusão da análise do caso.

Compartilhe
Previous Mais de dois milhões de camisinhas serão distribuídas no Carnaval de Salvador
Next Rodrigo Maia lamenta saída de Serra e espera que Temer escolha nome do PSDB

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Angelo Coronel recebe comissão da Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Angelo Coronel, recebeu hoje (23) em audiência uma comissão de sindicalistas da Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia (Fetrab),

Política

Senadora Lídice da Mata defende alfabetização aos seis anos de idade

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) defendeu a alfabetização aos seis anos de idade. Ela lembrou que o ensino fundamental de nove anos, pelas regras da nova Base Nacional Comum

Política

STF vai julgar candidatura sem partido na próxima semana

O Supremo Tribunal Federal (STF) julgará no dia 4 de outubro se pessoas que não são filiadas a partidos políticos podem se candidatar em eleições. Nesta segunda-feira (25/9) o advogado