Moro diz confiar em solução ‘institucional’ para novo relator da Lava Jato no STF

Responsável pela condução da Operação Lava Jato na Justiça Federal, o juiz Sérgio Moro avalia que a definição do novo relator do caso no Supremo Tribunal Federal deverá ser resolvida pela Corte de forma “institucional”. Moro compareceu ao velório do ministro Teori Zavaski em Porto Alegre (RS) e reiterou homenagens feitas ao magistrado, que era o relator da Lava Jato no STF.

“As instituições estão funcionando. Vai ser resolvido institucionalmente”, disse Moro, ao ser questionado sobre a decisão do presidente da República, Michel Temer, de indicar o próximo ministro do STF apenas após a Corte definir o novo relator da Lava Jato. “Compete ao Supremo”, completou Moro, ao sair de um almoço com o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe).

Com a morte de Teori, o STF deve adotar uma solução interna, para que um dos atuais integrantes da Corte assuma a relatoria da Lava Jato. A decisão sobre o sorteio para a redistribuição deve ser tomada pela presidente Cármen Lúcia.

Compartilhe
Previous Corpo do ministro Teori Zavascki é enterrado em Porto Alegre
Next Temer e Gilmar Mendes discutem quadro político em jantar no Jaburu

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

VÍDEO. “Povo da Bahia vai optar pela mudança”, afirma Paulo Azi em evento de união do PSDB/DEM

Em conversa com o Classe Política na manhã desta sexta-feira(25), durante evento de união do PSDB/DEM, o deputado Paulo Azi(DEM), comentou sobre a retirada da pré-candidatura do deputado federal João

Cotidiano

Sete de Abril ganha encosta que beneficiará 30 famílias da localidade

Os dias de chuva já não vão mais provocar angústia aos moradores da Rua da França, em Sete de Abril. Com investimento de R$1,2 milhão, a contenção da encosta construída

Notícias

PGR se manifesta contra extensão de soltura de Dirceu a outros presos

Parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) encaminhado nesta quinta-feira (11) ao Supremo Tribunal Federal (STF) defende o indeferimento dos pedidos de extensão da ordem de habeas corpus concedida ao ex-ministro

0 Comentários

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar essa notícia!

Deixe uma resposta