Maduro aumenta em 50% salários na Venezuela

Maduro aumenta em 50% salários na Venezuela

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, aumentou os salários em 50%. A elevação, contudo, não representa grande alívio em um país onde a inflação deve atingir quatro dígitos este ano, segundo previsão do Fundo Monetário Internacional (FMI), e a escassez de alimentos tem aumentado.

Maduro disse neste domingo (8/1), em seu programa de televisão em rede nacional, que o salário mínimo mensal e o subsídio de alimentação obrigatório seriam de 104.358 bolívares. Isso representa cerca de US$ 30 na taxa do mercado negro bastante utilizada no país.

O aumento vem em um momento em que Maduro busca convencer a oposição a cessar os protestos para destitui-lo e a continuar participando das negociações mediadas pelo Vaticano a fim de aliviar a crise econômica e política no país.

Compartilhe
Previous Ministério da Justiça anuncia ajuda a estados em crise penitenciária
Next Tragédia com avião da Chapecoense pode virar série

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Mundo

Presidente colombiano diz que Constituinte não é “saída adequada” para Venezuela

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, afirmou nesta segunda-feira (8) que a Assembleia Nacional Constituinte proposta por Nicolás Maduro não é a “saída adequada” para a crise da Venezuela

Mundo

Em resposta, Brasil declara diplomata venezuelano “persona non grata”

O governo brasileiro declarou o encarregado de negócios da Venezuela no Brasil, Gerardo Antonio Delgado Maldonado, “persona non grata”. A medida foi anunciada nesta terça-feira (26/12) e é uma retaliação

Mundo

Acordo internacional que proíbe uso de armas químicas completa 20 anos

Neste sábado (29), a Convenção sobre a Proibição do Desenvolvimento, Produção, Armazenagem e Utilização de Armas Químicas e sua Destruição completou 20 anos em vigor. Apesar disso, o uso dessas

0 Comentários

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar essa notícia!

Deixe uma resposta